Uma pausa na tranquilidade...

Foto de: ABrito
Tentando dedilhar algo que não espelhe dor...
Possível? Não, hoje não é possível...
Deixo sair o que sair, numa tentativa de soltar tudo o que está cá dentro a corroer
Âmago em pranto, rosto humedecido pelas lágrimas que caiem sem que eu as chame
Limites? Talvez eles estejam a chegar sem que eu possa mais travá-los
Impotência? Também, não sinto mais força para continuar a ocultar, continuar a tapar os malditos sentires que me perseguem...
Culpabilização? Sim, como olhar o céu e nele nada ver, sentir um vazio imenso, olhar-me e ver um outro Eu!
Chove lá fora? Então a culpa é minha! Eu deveria conseguir fazer a chuva parar!
Eu deveria sempre conseguir fazer sorrir quem me rodeia...
Eu preciso estar sempre bem, eu não posso deixar que me sintam caída no buraco, as minhas dores são somente minhas!
Não posso desfazer os nós que ocupam todo o espaço das minhas entranhas... Não posso soltar os gritos calados que vivem em mim...
Não tenho o direito de fazer chorar, quando eu e só eu posso fazê-lo, o peso do mundo já não me pode custar, sempre consegui suste-lo em meus braços...
Porquê agora toda esta debilidade?
Esta fraqueza sem direito de existir!
Medo? Muito não sei se saberei lidar com o inicio de um fim, o fim da máscara que tenho vindo a suportar!
Eu só queria tornar tudo mais fácil!

6 comentários:

kakauzinha disse...

Minha querida docinha,

O fim da máscara só tu saberás quando será. São decisões sempre difíceis e complicadas, terás de saber o momento certo. Mas chegará porque a tua vida e a tua felicidade são muito importantes e o tempo tira-te muitos sorrisos que tu mereces.

Nestas alturas quando lemos estes lamentos tão sinceros temos pena de não termos uma varinha mágica para afastar os maus momentos da vida dos nossos amigos, só temos palavras de conforto e um abraço grande.

*******

Obscuridade Translúcida disse...

A solção é confiares em ti...

Jasmim disse...

Doce de kakau...

Um abraço e um beijo docinho em ti*

*Merci

*********

Jasmim disse...

Obscuridade Translúcida...

Um sorriso, talvez seja sim essa uma das soluções!

Gostei de o ler por aqui

Beijo
`*

Um Momento disse...

Ai...
Doce Jasmim
Sente o teu coração
tua alma
Diz o que te vai no pensamento...
E ... sorri
Estás aqui
Estamos para ti
Beijo sentido
Abraçada a ti
(*)

Jasmim disse...

DOce um momento...

Ás vezes é dificil sentir o quer que seja de bom, de tranquilo...

Aguardo para ver se me (volto) a sentir!

Beijo imenso em ti
*